Angelina Jolie: “My Medical Choice”!

356

A revelação de Angelina Jolie no New York Times e na primeira pessoa, sob o título “My Medical Choice”, revelando ter-se submetido a uma “mastectomia”, depois de saber que tinha 87% de possibilidades de desenvolver cancro de mama, está a provocar uma onda de solidariedade e simpatia nos quatro continentes.

A Atriz de 37 anos de idade, surpreendeu o mundo ao descrever pelo seu próprio punho, como se decidiu pela opção mais radical, submetendo-se à mastectomia, com todo o sofrimento e dor a que se sujeitava, depois de saber que é portadora de um gene “defeituoso”, que lhe aumentava o risco de contrair cancro de mama e do ovário, descrevendo o processo desde a deteção do gene, até à recuperação da dupla intervenção cirúrgica.

É a própria atriz que explica, que a mãe, Marcheline Bertrand, morreu de cancro do ovário em 2007, após dez anos de luta contra a doença, uma experiência terrível, que não desejava que fosse vivida pelos seus filhos.

“Eu quis escrever sobre o assunto, para dizer a todas as mulheres, que a decisão de fazer uma mastectomia não foi fácil. Mas estou muito mais feliz por saber que a fiz”, escreveu a atriz. “As minhas possibilidades de desenvolver o cancro, cairam de 87 por cento para menos de 5 por cento e já posso dizer aos meus filhos, que não precisam de ter medo de me perder para o cancro de mama.”

Tem sido inúmeros as personalidades e celebridades, que tem manifestado apoio à atriz, com Sheryl Crow a mostrar-se impressionada com Angelina Jolie, não só pela força e coragem  evidenciadas, ao avançar para a dupla mastectomia preventiva, mas também pela consideração que demonstrou ter pelo público, ao compartilhar a sua história.

Entretanto, Angelina Jolie liderou as intervenções no Twitter, com dezenas de milhares de pessoas a manifestaram o seu apoio à decisão que tomou e à forma corajosa como a divulgou.

Outro aspeto muito significativo, foi o apoio de Brad Pitt, que a acompanhou em todos os momentos, durante todo o processo. Angelina referindo-se ao marido, diz que “teve a sorte de ter um parceiro”, que é muito amoroso e solidário.”

Já Brad Pitt classificou a decisão de Jolie como “absolutamente heróica”, adiantando que “Tudo que eu quero é que Angie tenha uma vida longa e saudável, comigo e com os nossos filhos “, declarou em comunicado, acrescentando:” Este é um dia muito feliz para a nossa família “.

Fonte: Los Angeles Times

Partilhe:




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close