Como manter a temperatura ideal das casas no inverno

Como manter a temperatura ideal das casas no inverno

636

Com as temperaturas a baixar significativamente e o Inverno a chegar na entrada do novo ano, algumas medidas são essenciais para garantir o conforto e a saúde. O Groupe Atlantic, multinacional especialista em soluções térmicas, ajuda com alguns conselhos essenciais e explica qual a temperatura ideal de conforto a que devem estar as casas.

Com o inverno a chegar é hora de começar a aquecer e adequar a temperatura para a sua casa, sem que isso seja um desperdício de energia. É aconselhável que a temperatura esteja em equilíbrio, isto é, não nos faça sentir frio, mas também não nos faça sentir calor.

Para alcançarmos esse equilíbrio perfeito, devemos levar em conta vários fatores, como a temperatura externa e a humidade relativa do ambiente. Caso a temperatura exterior seja inferior, como tem sido nos últimos dias e assim se manterá nos próximos, a temperatura da nossa casa deve ser maior para contrabalançar o frio. A humidade relativa, é aquela que influencia diretamente a nossa sensação térmica, e se uma vez que temperatura ambiente é constante, mas a humidade relativa varia, teremos a impressão de que a temperatura se alterou. Esse fator é o que é chamado de sensação térmica.

A temperatura ideal para uma casa no inverno é de 20 graus e, para evitar o desperdício de energia, o termostato nunca deve exceder essa temperatura. Ainda assim, é verdade que pode haver variação, por exemplo, nos quartos e espaços que não sendo utilizados, a temperatura pode ser de 18 graus, bem como nas casas de banho onde a temperatura poderá subir até 22 graus.

Para manter sempre esta temperatura e garantir a economia da energia, o ideal é ter um sistema de controle de temperatura que permita controlar remotamente o equipamento térmico, a partir de qualquer lugar e com acessibilidade 24 horas. Além disso, graças à conectividade remota, o utilizador pode regular o uso desses dispositivos de acordo com a sua presença ou ausência em casa, otimizando, assim, o consumo de energia e reduzindo, desta forma, a fatura de eletricidade no final do mês.

E porque a segurança é importante, a Atlantic recomenda uma atenção especial para equipamentos com armazenamento de combustível, como gás, gasóleo ou biomassa, onde o risco de acidente doméstico é superior. Em equipamentos de energias renováveis, como os de aerotermia, não há emissões contaminantes ou nocivas para a saúde dos membros da casa prezando o respeito pelo meio-ambiente. A aerotermia garante a ausência de emissões em casa. Por exemplo, ao ligar um módulo hidráulico a uma unidade termodinâmica situada no exterior de uma casa, não necessita de uma conduta de evacuação de gases de combustão, eliminando assim o impacto arquitetónico de uma chaminé na fachada.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close