Governo de Raul Castro trava lançamento de “Ernesto” e “Hugo”!

244

Afinal os perfumes “Ernesto” e “Hugo” que a Labiofam, a empresa estatal cubana para o setor farmacêutico, se preparava para lançar comercialmente no primeiro trimestre de 2015, já não vão ver a luz do dia, com essas designações.

O anúncio deste projeto que tinha sido feito na passada quinta feira por Mario Valdes, o diretor de pesquisa e desenvolvimento da empresa cubana, deu origem a uma reação imediata do governo cubano, que em comunicado afirmava este sábado, que se tratava de um “erro grave”, por isso os responsáveis pelo projeto seriam alvo de medidas disciplinadoras.

“Estes tipos de iniciativas nunca serão aceites por nosso povo nem pelo governo revolucionário. Os símbolos, de ontem, hoje e sempre são sagrados”, diz o comunicado, que trava desse modo, a utilização dos nomes de Che Guevara e Hugo Chaves, em vulgares fragrâncias comerciais.

Segundo Mário Valdez, as fragrâncias que ainda estavam em desenvolvimento, já tinham sido testadas pela Labiofam, testes em que participaram mais de cem pessoas, tendo sido projetado pela empresa, a saida dos dois produtos para o mercado, no início do próximo ano.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close