Pestana Pousadas de Portugal cresceram no 1º Trimestre

791

As Pousadas de Portugal registaram no primeiro semestre de 2015, um crescimento em receita de 15,5%, o que representa um aumento de 1 milhão de euros face ao mesmo período do ano anterior ao nível dos resultados brutos operacionais (GOP), excluindo as unidades maiores da Pousada do Freixo e da Pousada de Cascais que complementam uma outra oferta do Grupo Pestana.

Estes resultados vêm reforçar o sucesso da nova estratégia definida para as Pousadas de Portugal, para o triénio 2015-2018, que passa não só pelo reposicionamento da oferta, como também por um esforço de promoção internacional muito forte e ainda pela aposta na portugalidade, onde se inclui a gastronomia, cujas primeiras iniciativas foram implementadas no último trimestre de 2014.

Os primeiros 6 meses de 2015 ficam também marcados pela abertura da Pousada de Lisboa – Praça do Comércio, no final de Maio, que com uma localização privilegiada, no coração da cidade de Lisboa, Praça do Comércio, é já uma referência na capital e que registou uma taxa de ocupação na ordem dos 75% nos dois primeiro meses de operação, sendo que a previsão para Agosto é de superar os 85%. Também o restaurante Lisboeta, cuja cozinha é da autoria do Chef Tiago Bonito, eleito cozinheiro do ano em 2011,tendo sido eleito local de referência no mercado nacional e internacional para almoços, jantares e eventos.

Ainda neste período a marca Pousadas de Portugal integrou a prestigiada cadeia internacional Small Luxury Hotels of the World, colocando quatro das suas unidades (Pousada Mosteiro de Amares, Pousada Mosteiro do Crato, Pousada Palácio de Estoi, e Pousada de Lisboa) no sector dos melhores pequenos hotéis de luxo independentes do mundo e contribuindo para um maior reconhecimento da sua oferta a nível internacional. A estas quatro unidades, junta-se a Pousada Mosteiro de Guimarães, completando assim as 5 unidades que constituem o segmento mais alto do universo Pousadas designado por Monument. Acresce ainda que a mais prestigiada publicação internacional que distingue os melhores hotéis do mundo, Condé Nast Johansens, seleccionou a Pousada de Lisboa e Pousada Mosteiro de Guimarães para se juntarem ao restrito leques de hotéis recomendados.

Com mais de 70 anos de História e sob a gestão do Grupo Pestana desde 2003, as Pousadas de Portugal é uma marca 100% portuguesa, sinónimo de qualidade, hospitalidade, cultura e tradição, que tem evidenciado e reforçado as suas características diferenciadoras ao longo dos anos, assumindo-se como um player de referência num sector cada vez mais competitivo, como é o do Turismo.

Para Miguel Velez, Administrador das Pousadas de Portugal, “este primeiro semestre foi muito positivo para as Pousadas de Portugal, e os resultados reflectem que o produto Pousadas não só responde à procura do mercado nacional e internacional, como também tem sabido inovar e responder às solicitações mais exigentes. É gratificante verificar que a tendência de forte crescimento registada em 2014 está a ser ainda mais forte nos primeiros 6 meses do ano e a ocupação para este verão está em níveis históricos”. Acrescenta ainda a mesma fonte, “a marca Pestana Pousadas de Portugal está muito forte, cheia de vida, com uma equipa muito motivada e cujo principal propósito é o de servir os seus clientes”.

Da nova estratégia, faz parte uma nova segmentação da marca, que está agora dividida em três categorias: Monument Hotel, Historic Hotel e Charming Hotel, cada uma com experiências e diferenciadas e preços distintos, e há ainda um novo posicionamento, com uma aposta mais forte na portugalidade, através de três eixos diferenciados: a história e cultura, a gastronomia e a regionalidade. “Ingredientes” estratégicos que têm conquistado clientes nacionais e internacionais; já este primeiro semestre de 2015, a procura por parte dos portugueses subiu 17,5%, pesando 32% nas receitas, mas também o público internacional tem registando crescimento e shares muito superiores ao período homólogo: Reino Unido 13%, Alemanha 18%, Holanda 112%, EUA 41% e França 6% o que confirma a aposta nos mercados internacionais, mas mais importante a excelente aceitação dos mesmos no que respeita ao produto Pousadas.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close