Removidas embarcações afundadas na Ria de Alvor

Removidas embarcações afundadas na Ria de Alvor

257

A Docapesca terminou esta semana a remoção de duas embarcações afundadas na Ria de Alvor, na zona da dragagem em curso, uma empreitada da responsabilidade da Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

No decurso dos trabalhos de dragagem dos sedimentos na Ria de Alvor, barra, no canal de acesso e bacia portuária do porto de Alvor, foi comunicada pelo empreiteiro a existência de duas embarcações afundadas no leito da Ria, em área de jurisdição da Docapesca. De modo a que os trabalhos de dragagem pudessem ser devidamente executados naquela zona, a Docapesca procedeu à remoção das embarcações, envolvendo mergulhadores e outros meios para a reflutuação e desmantelamento das embarcações, operação que representou um custo de 22 mil euros.

Os destroços das duas embarcações foram encaminhados para zona de deposição temporária e seguiram posteriormente para aterro.

A Docapesca – Portos e Lotas, S.A. é uma empresa do Setor Empresarial do Estado tutelada pela Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, tendo a seu cargo, no continente, o serviço da primeira venda de pescado e o apoio ao setor da pesca e respetivos portos, dispondo de 22 lotas e 37 postos.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close