Turistas lideram nos pagamentos Contactless em Portugal

Turistas lideram nos pagamentos Contactless em Portugal

222

A Visa (NYSE: V) revelou um aumento nas transações Contactless na ordem dos de 22%, nos pagamentos efetuados pelos estrangeiros que visitam Portugal.

Segundo um estudo da empresa, atualmente, 37% dos portugueses admitem utilizar o cartão Contactless para efetuar transações, o que revela um crescimento face aos 29% registados em 2017. No entanto, a taxa de penetração de pagamentos pelo sistema Contactless em Portugal, ainda se mantém abaixo dos 10%.

Os níveis médios de utilização global deste sistema, por parte dos portugueses, ainda são muito reduzidos, apesar de internacionalmente, as novas tecnologias de pagamento já serem comuns.

Fora dos Estados Unidos da América, cerca de metade das transações Visa em pagamentos acontecem com recurso à tecnologia Contactless para pagamentos rápidos, seguros e convenientes com os seus cartões de débito e crédito. Uma vez introduzidos os cartões Contactless, a adoção do consumidor geralmente acontece rapidamente. Muitos mercados evoluem de uma taxa de penetração Contactless de um dígito para mais de 50% em apenas 18 a 24 meses, segundo fonte da VisaNet.

A nível internacional, assistimos a elevados valores de penetração do Contactless como na Austrália (>90%), Reino Unido (>60%) ou Canadá (>50%). Na Polónia a taxa de aceitação encontra-se mesmo perto dos 100%. Em Portugal, a taxa de penetração de pagamentos Contactless é substancialmente inferior (<10%) ocupando o penúltimo lugar do ranking europeu apenas à frente de Israel.

“Portugal tem vindo a receber por ano uma média de 20 milhões de turistas. Esta comunidade altamente familiarizada com novas tecnologias de pagamento como o Contactless debatem-se com barreiras no nosso país como são os casos da taxa de aceitação de pagamentos através de marcas internacionais ou Contactless. Estes obstáculos levam a que a generalidade dos estrangeiros recorra a pagamentos com dinheiro vivo o que deixa de ser vantajoso dada a importância que o setor do turismo representa atualmente para a economia nacional”, refere Paula Antunes da Costa, Country Manager da Visa em Portugal.

Globalmente, o uso do Contactless é amplamente aceite em comerciantes de alto volume de transações com montantes médios/ baixos: alimentos e mercearias, restaurantes de fast food, farmácias e transportes. A tendência é de crescente adopção em todos os setores à medida que a utilização da tecnologia expande-se para pagamentos móveis.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close