Home | Economia | Transportes | A MEDWAY adquiriu 16 novas locomotivas elétricas
A MEDWAY adquiriu 16 novas locomotivas elétricas

A MEDWAY adquiriu 16 novas locomotivas elétricas

A MEDWAY – Transporte & Logística, antiga CP Carga S.A., contratou hoje a aquisição de 16 novas locomotivas eléctricas interoperáveis e 113 novos vagões, que deverão ser entregues entre o final de 2023 e o primeiro semestre de 2024.

A cerimónia de assinatura do contrato teve lugar esta sexta feira, num encontro presenciado pelo Ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, e pelo Secretário de Estado das Infraestruturas, Jorge Delgado.

O transporte ferroviário eléctrico significa uma redução na ordem dos 74% de emissões de CO2, face ao transporte rodoviário

Esta compra de material rolante mais eficiente e menos poluente, que vai reforçar a frota da MEDWAY, representa um investimento de €93 milhões, constituindo um contributo significativo para o sector ferroviário nacional e ibérico, no âmbito da ambição europeia que visa promover este meio de transporte.

Na ocasião, Bruno Silva, Director Geral da MEDWAY, destacava que: “Este investimento traduz o compromisso da MEDWAY no esforço de melhorar a sua actividade e eficiência, de modo a corresponder aos desafios que hoje se colocam para fazer face ao programa de expansão em que estamos envolvidos, às exigências da descarbonização e da economia sustentável e, sobretudo, para corresponder às necessidades dos clientes e das suas cadeias logísticas.”

As novas locomotivas, , serão elétricas bi-tensão, de última geração a nível de eficiência e com a maior capacidade de tracção existente no mercado. Serão locomotivas interoperáveis, capazes de circular em toda a rede ferroviária electrificada portuguesa e espanhola e preparadas para poderem circular em bitola UIC no futuro.

Este investimento da MEDWAY em novas locomotivas eléctricas e novos vagões, reforça o compromisso da Empresa com o ambiente e com os objectivos da União Europeia. O transporte ferroviário eléctrico é o meio de transporte de mercadorias menos poluente, permitindo uma redução de cerca de 74% de emissões de CO2, face ao mesmo transporte por modo rodoviário.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.