Atividades Culturais em Almada / Livros, Teatro e Exposições

Atividades Culturais em Almada / Livros, Teatro e Exposições

662

A Biblioteca Municipal Maria Lamas em Almada, recebe no dia 5 de maio, às 16 horas, o espetáculo Corpo-Mapa-Livro uma peça parte do Livro, enquanto objeto específico e como indutor de experiências transformadoras do Corpo. Um jogo poético que nos leva numa viagem onde se revelam novos Mapas. O espetáculo é complementado com uma oficina de descoberta do livro, dirigida a crianças e adolescentes, que tem como objetivo levar os mais novos a descobrir o livro, enquanto objeto vivo e mutável e sujeito a múltiplas formas de abordagem.

Horas do conto, oficinas criativas, visitas guiadas, dança, yoga, desenho, tecelagem e teatro são algumas das atividades lúdicas gratuitas propostas em maio pela Rede Municipal de Bibliotecas e pelos equipamentos culturais do concelho para as famílias e os mais novos.

O Monstro dos Beijinhos

No dia 5 de maio, a escritora Marta Chambel vem à Biblioteca Municipal José Saramago apresentar o livro O Monstro dos Beijinhos, que conta a história de história de um monstro que tem por missão espalhar os seus pozinhos mágicos por todos os reinos, tentando desta forma salvar a humanidade.

Também de 22 a 26 de maio, a Biblioteca Municipal José Saramago celebra o seu 9.º aniversário com um programa que inclui diversas atividades para toda a família.

O poema é um rio de vozes

A partir da obra de Ana Hatherly, no dia 19 de maio, a partir das 15 horas, convidam-se as famílias a explorar a exposição O Prodígio da Experiência, através de jogos de linguagem e construção poética com vista à criação conjunta de um poema visual, escrito a várias mãos, que será instalado na fachada da Casa da Cerca virada para o Tejo.

Percursos pela história

No Museu Medieval, no dia 12 de maio, à tarde, depois de uma visita de exploração e da descoberta dos objetos relacionados com a pesca, é proposto um jogo onde os participantes se debruçam sobre algumas artes de pesca utilizadas, o pescado consumido pelas gentes de Almada e os métodos para a sua conservação.

No dia 19 de maio, é proposta uma visita que percorre o sítio arqueológico e onde se conta e explora a história da Quinta do Almaraz, desde a chegada dos fenícios, há mais de 2500 anos atrás, até à atualidade. No mesmo, durante a manhã, os mais novos podem também participar numa oficina de tecelagem artesanal, uma antiga atividade que se mantém até aos nossos dias, num lugar em que se respira a natureza e se descobre a história. Uma atividade para adultos e crianças partilharem momentos de descoberta, criatividade e diversão.

Ao longo do mês de maio, aos sábados, pode ainda descobrir a história do Centro de Interpretação de Almada Velha, e navegar pelo coração da cidade entre Cacilhas e o Cristo-Rei conhecendo melhor o território e suas memórias.

Programa de Atividades: CMA/C

Partilhe:




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close