Atletas de esqui alpino e snowboard na Serra Nevada

Atletas de esqui alpino e snowboard na Serra Nevada

867

A Federação de Desportos de Inverno de Portugal (FDI-Portugal) e a empresa gestora da Estância da Serra Nevada, formalizaram um protocolo que tem por objetivo proporcionar aos atletas portugueses e das seleções nacionais, a prática e treino de esqui alpino e snowboard.

Formalizaram este protocolo, que vigora até 2022, ano da realização dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, pela FDI Portugal, o presidente Pedro Farromba e pela Cetursa Sierra Nevada SA, Jesús Ibáñez e Eduardo Valenzuela.

Com este protocolo abrem-se novas possibilidades de treino aos atletas de elite nacionais, ao mesmo tempo que se fortalecem relações com a entidade gestora de uma infraestrutura desportiva com a qual a Federação de Desportos de Inverno de Portugal já tinha história, conforme explica o Presidente da Direção da FDI Portugal Pedro Farromba:

“Este é mais um passo fundamental para que os nossos atletas possam ter condições de treino numa estância que está localizada muito perto de Portugal e que tem um nível de pistas que nos permite melhorar o desempenho e ser cada vez melhores. Recordo, de resto, que foi aqui que realizámos a nossa primeira prova FIS [Federação Internacional de Esqui] de esqui alpino”.

A Federação de Desportos de Inverno de Portugal é uma organização sem fins lucrativos, dotada de estatuto de utilidade pública desportiva, com sede na Covilhã, que tem como principais objetivos promover, regulamentar e dirigir, a nível nacional, a prática de desportos relacionados com a neve e gelo, nas vertentes formativa, desportiva e cultural. Cabe também à FDI- Portugal representar o seu conjunto de modalidades desportivas, junto das organizações desportivas nacionais e internacionais.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close