Home | Atualidade | Nacional | Censos 2021: Portugueses apontam falhas no sistema
Censos 2021: Portugueses apontam falhas no sistema

Censos 2021: Portugueses apontam falhas no sistema

O Portal da Queixa registou mais de 270 reclamações dirigidas ao Instituto Nacional de Estatística (INE), relacionadas com os CENSOS 2021, uma média de 18 reclamações por dia. A não receção da carta dentro do prazo (19 de abril a 3 de Maio) com os dados de acesso para o preenchimento online e as dificuldades em aceder ao site são os principais motivos apontados pelos portugueses.

O prazo para responder aos Censos 2021 pela Internet terminou esta segunda-feira (3 de maio), marcando o fim da primeira fase de resposta aos inquéritos do INE que abrangem mais de seis milhões de alojamentos. No dia 27 de abril, o INE já tinha recebido mais de 2,4 milhões de respostas, 92% das quais através da Internet, representando informação estatística sobre mais de cinco milhões de pessoas.

No entanto, segundo identificou o Portal da Queixa – com base nos dados registados pelos consumidores na sua plataforma -, a organização dos CENSOS 2021 apresentou alguns problemas.

A maior rede social de consumidores de Portugal recebeu, entre 19 de abril (o dia censitário) e o dia 3 de maio, 276 queixas relacionadas com o processo dos CENSOS 2021.

Entre os principais motivos reportados pelos portugueses estão a não receção da carta com os dados de acesso para o preenchimento online (83% das reclamações) e as dificuldades em aceder ao site – https://censos2021.ine.pt – onde os inquéritos podem ser respondidos (10% das queixas).

Portugueses apontam falhas ao sistema

Na sua reclamação, Marco Marques reportou a sua indignação face à inoperância do sistema: “Telefonei para a linha de apoio no dia 21 de abril de 2021 e o funcionário que me atendeu confirmou-me que o código enviado não funciona.”

Carmen Sousa é outra consumidora que denuncia na sua queixa dirigida ao INE as falhas do sistema informático: “O site para o Censos não está a funcionar! DÁ TODA A ESPÉCIE DE ERROS !Não aceita a palavra passe, entre outras coisas!”

De acordo com os indicadores do INE no Portal da Queixa, relativos ao Índice de Satisfação – um parâmetro que reflete de forma objetiva o desempenho das marcas e entidades no Portal da Queixa e é calculado tendo em conta a atividade das mesmas nos últimos 12 meses. A interação de cada uma delas com os utilizadores que efetuaram reclamações considera os vários estados possíveis: Aguardar resposta, Em tratamento, Resolvida, Sem Resolução -, a pontuação do INE é de 16.9 em 100, atestando que a entidade não faz uma gestão eficaz das reclamações de que é alvo, revelando ainda taxas baixas quer de resposta (2,8%), quer de solução (28,6%), relativamente aos problemas que lhe são apresentados pelos consumidores.

De referir que, a partir de 31 de maio, os recenseadores irão fazer uma segunda ronda pelos alojamentos que ainda não tenham respondido para tentar recolher mais respostas.

Todas as reclamações efetuadas no Portal da Queixa dirigidas ao INE estão disponíveis para consulta pública em: www.portaldaqueixa.com

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.