Home » Cultura » Geral » Co√™do √© palco do Festival Lua Cheia ‚Äď Arte da Aldeia
Co√™do √© palco do Festival Lua Cheia ‚Äď Arte da Aldeia

Co√™do √© palco do Festival Lua Cheia ‚Äď Arte da Aldeia

O Festival Lua Cheia ‚Äď Arte da Aldeia tem por palco a aldeia do Co√™do na freguesia de Adoufe, concelho de Vila Real, de 20 a 25 de Julho, com uma programa√ß√£o que tem previstos cinco espet√°culos de teatro e uma sess√£o de cinema.

Al√©m de uma noite inteiramente dedicada ao cinema, a edi√ß√£o deste ano, reserva, ainda, lugar para as artes pl√°sticas, destacando-se, a inaugura√ß√£o da obra ‚ÄúTragos e Komos‚ÄĚ, da autoria do artista pl√°stico Carlos No.

As m√°scaras de madeira do Carnaval de Lazarim s√£o o ponto de partida da conce√ß√£o de ‚ÄúFardo‚ÄĚ, espet√°culo que marca o arranque do Lua Cheia. A noite de 20 de julho promete, por isso, envolver o p√ļblico no jogo teatral da m√°scara, num espet√°culo de car√°cter po√©tico e universal. J√° a 21 de julho, os espectadores s√£o convidados a entrar numa viagem em que os contos assumem o papel principal. ‚ÄúConto Contigo‚ÄĚ, uma coprodu√ß√£o com o Espa√ßo Miguel Torga e o Munic√≠pio de Sabrosa, d√° vida aos contos de Ant√≥nio Modesto Navarro, Miguel Torga e Jo√£o de Ara√ļjo Correia, acompanhados pela m√ļsica ao vivo de Rui Fernandes. Na fronteira da narra√ß√£o com a representa√ß√£o teatral, este √© o momento perfeito para que os contadores de contos da plateia se voluntariem e que se tornem o ator principal da hist√≥ria.

O teatro volta ao palco a 22 de julho, numa noite reservada para a segunda parte do ‚ÄúZona‚ÄĚ, do Projecto Ru√≠nas, pe√ßa que se debru√ßa sobre a pandemia e que conta hist√≥rias das pessoas v√≠timas de patologias, maleitas e infe√ß√Ķes de todo o tipo. E depois do teatro, o cinema. ‚ÄúE agora, onde vamos?‚ÄĚ, um filme de Nadine Labaki, √© o destaque de 23 de julho. J√° na noite seguinte, subir√° ao palco ‚ÄúFilho?‚ÄĚ, uma interroga√ß√£o teatral para a inf√Ęncia e juventude, criada em conjunto pelo Teatro O Bando e pelo Teatr√£o, a partir do romance ‚ÄúPara Onde V√£o os Guarda-Chuvas‚ÄĚ, de Afonso Cruz. O festival Lua Cheia termina a 25 de julho, com uma produ√ß√£o da Perip√©cia Teatro: ‚Äú13‚ÄĚ, pe√ßa que pretende repensar os dogmas em torno da suposta miss√£o espiritual da Igreja Cat√≥lica. O programa do festival integra, ainda, e a seguir a cada espet√°culo, um momento de tert√ļlia, que junta artistas e espectadores, e que ser√° moderado por um elemento da Perip√©cia Teatro.

Convidado pelo Teatro Perip√©cia para integrar a edi√ß√£o deste ano do Lua Cheia ‚Äď Arte na Aldeia, Carlos No √© o autor de ‚ÄúTragos e Komos‚ÄĚ ‚Äď palavras gregas que significam ‚Äúbesta‚ÄĚ e ‚Äúfesta‚ÄĚ, respetivamente, e que est√£o na origem das palavras trag√©dia (tragoidia) e com√©dia (komoidia). A obra, in√©dita, que foi concebida para ser colocada junto √† entrada do espa√ßo da Companhia de Teatro Perip√©cia, em Co√™do, apresenta-se como um de sinal de ‚Äútr√Ęnsito proibido‚ÄĚ adulterado e onde o artista trabalhou os conceitos de territ√≥rio, fronteira, margem e exclus√£o. Carlos No questiona, de forma ir√≥nica, est√©tica e l√ļdica, os conceitos acima referidos, levando-nos a repensar a rela√ß√£o com o outro, a rela√ß√£o normativa, de poder e de superioridade do Homem face ao seu semelhante, com as respetivas implica√ß√Ķes em termos de abuso de poder, restri√ß√£o de liberdades ou, at√© mesmo, do direito √† vida.

O conceito geral do festival Lua Cheia ‚Äď Arte na Aldeia reside exatamente na import√Ęncia de colocar a arte em di√°logo com o espa√ßo e comunidade rural e surge do objetivo da Perip√©cia em se abrir √† sua comunidade local, completando a sua presen√ßa di√°ria na aldeia e fazendo com que a arte seja respirada no seu dia-a-dia. Os bilhetes para os espet√°culos, que t√™m in√≠cio √†s 22h00, podem ser adquiridos online, em www.bol.pt, ou na bilheteira f√≠sica, no local do festival. Os bilhetes t√™m o custo de tr√™s euros e, este ano, tendo em conta as restri√ß√Ķes relacionadas com a COVID-19, a lota√ß√£o m√°xima √© de 56 lugares (sentados). Mais informa√ß√Ķes em https://peripeciateatro.com.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como s√£o processados os dados dos coment√°rios.