Home | Solidariedade | Conferência avalia a Rede Solidária do Medicamento
Conferência avalia a Rede Solidária do Medicamento

Conferência avalia a Rede Solidária do Medicamento

O Programa abem:, assinala no próximo dia 25 de maio, o seu sexto aniversário, a Conferência abem:, que terá lugar no auditório da Associação Nacional das Farmácias, uma iniciativa promovida pela Associação Dignitude, Instituição Particular de Solidariedade Social, com a participação do Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales.

A Conferência abem:, tem por objetivo criar um momento de reflexão sobre o acesso da população portuguesa mais carenciada à saúde e aos medicamentos. No âmbito do encontro, vai ser apresentado o mais recente estudo de Avaliação de Impacto do Programa abem: Rede Solidária do Medicamento.

O Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, participa na sessão de abertura da conferência que conta ainda com as intervenções de João Almeida Lopes, Presidente da APIFARMA, e de Paula Dinis, Presidente da Associação Dignitude.

Após a sessão de abertura, a Diretora Executiva da Associação Dignitude, Maria João Toscano, apresenta o estudo de Avaliação de Impacto do Programa abem: Rede Solidária do Medicamento.

Seguir-se-á a intervenção de Miguel Gouveia, Professor Associado na Católica-Lisbon, com o estudo “O impacto do Programa abem: no combate à pobreza”.

A análise realizada ao impacto do Programa abem vai ser o mote do debate moderado pela CEO e fundadora da Notable, Inês Mendes da Siva, a quem se vai juntar o Diretor-geral da Menarini Portugal, Miguel Rovisco de Andrade, a proprietária e Diretora Técnica da Farmácia Baião Santos, Maria de Fátima Baião Santos, o Presidente da Câmara Municipal de Moura, Álvaro Azedo, e a técnica de Ação Social do Centro Social e Paroquial de Algueirão Mem Martins Mercês, Petra Tavares.

Posteriormente fará uma intervenção Maria de Belém Roseira, Associada Fundadora da Associação Dignitude, assinalando os seis anos de dedicação do Programa abem: aos portugueses, com o propósito de garantir que todos têm acesso aos medicamentos de que necessitam para viver, independentemente das suas condições socioeconómicas.

A sessão de encerramento conta com as intervenções de um representante do Ministério do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social e da Presidente da Associação Nacional das Farmácias, Ema Paulino.

Esta é uma iniciativa apoiada pela Portugal Inovação Social, através de Fundos da União Europeia.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.