ESCAPARATE DE LIVROS EM 10 DE AGOSTO

997
Futuro do Poder Sinopse (Editor: Temas e Debates)

O poder evolui. No tempo de Kennedy e de Kruchtchev, o poder era avaliado em termos de mísseis nucleares, capacidade industrial e número de soldados armados e tanques prontos a atravessar as planícies da Europa de Leste. Mas a era da informação global do século XXI está rapidamente a tornar obsoletos tais indicadores tradicionais e a dar nova forma às relações de poder. Professor universitário com vasta experiência governamental, Joseph S. Nye explica as mudanças, as inovações, as tecnologias e as novas relações que estão a definir o poder no século XXI. Mostra-nos como os recursos de poder se estão a adaptar à era digital e de que forma as estratégias inteligentes tem de incluir muito mais do que o simples poderio militar de uma nação. A era cibernética também criou uma nova fronteira de poder entre estados, cheia de oportunidades. A China, o Brasil, a Índia e outros países têm vindo a aumentar a sua quota-parte desses recursos de poder mundiais. Ao debater o que significa o poder no século XXI, este livro ajuda a iluminar a estrada que temos pela frente.

Porque_Falham_Nacoes Sinopse (Editor: Temas e Debates)

Porque são umas nações ricas e outras pobres? Serão os responsáveis a cultura, as condições meteorológicas, a geografia? Ou talvez a ignorância de quais são as políticas certas? Pura e simplesmente, não. Nenhum destes fatores é definitivo ou constitui um destino. Se assim não for, como explicar por que razão o Botsuana se tornou um dos países de crescimento mais rápido do mundo, enquanto outras nações africanas, como o Zimbabué, o Congo e a Serra Leoa, estão atoladas na pobreza e na violência?

Daron Acemoglu e James Robinson mostram, de uma forma conclusiva, que são as instituições políticas e económicas criadas pela humanidade que estão subjacentes ao êxito económico (ou à falta dele). Baseando-se em quinze anos de investigação, reuniram indícios históricos espantosos sobre o Império Romano, as cidades-estado maias, a Veneza medieval, a União Soviética, a América Latina, Inglaterra, Europa, Estados Unidos e África para elaborarem uma nova teoria de economia política com enorme relevância para as grandes questões atuais, nomeadamente:

– A China criou uma máquina de crescimento autoritário. Continuará a crescer a uma velocidade tão elevada que esmagará o Ocidente?

– Os melhores dias da América pertencerão já ao passado? Estaremos a passar de um círculo virtuoso, em que o esforço das elites para iluminar o poder são alvo de resistência para outro círculo vicioso, que enriquece e dá poder a uma pequena minoria?

– Qual é a forma mais eficaz de ajudar a transferir milhões de pessoas da rotina da pobreza para a prosperidade? Residirá em mais filantropia por parte das nações ricas do Ocidente?

 

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close