Home » S√≠tios & Viagens » Regi√Ķes Tur√≠sticas » Ganhos do alojamento tur√≠stico no Algarve
Ganhos do alojamento turístico no Algarve

Ganhos do alojamento turístico no Algarve

Os proveitos no alojamento turístico do Algarve aumentaram 32,4% entre janeiro e junho de 2023, quando comparados com o mesmo período de 2019, o melhor ano de sempre para o setor.

Estes dados foram revelados na segunda-feira, 14 de agosto, pelo Instituto Nacional de Estat√≠stica (INE), que indica um valor recorde dos proveitos totais do alojamento na ordem de 570,5 milh√Ķes de euros no 1.¬ļ semestre do ano para o principal destino de f√©rias nacional.

Face a 2022, nos primeiros seis meses de 2023 o Algarve cresceu 13,5% em h√≥spedes, para 2,2 milh√Ķes, e aumentou em 13,2% em dormidas, para 8,5 milh√Ķes. Neste per√≠odo, os proveitos est√£o 19,4% acima do ano passado e o aeroporto de Faro registou +20,6% de passageiros. Para o presidente da Regi√£o de Turismo do Algarve (RTA), ¬ęos resultados do semestre s√£o muito animadores, registando os melhores n√ļmeros de sempre nos proveitos do alojamento e crescendo em todos os principais indicadores de desempenho face a 2022, abrindo caminho para que no final do ano possamos fazer um balan√ßo positivo da atividade tur√≠stica na regi√£o¬Ľ.

Na compara√ß√£o dos resultados do destino em 2023 com os de 2019, o balan√ßo do semestre continua a ser positivo, com mais passageiros no aeroporto (+5,2%), mais proveitos no alojamento tur√≠stico (+32,4%), mais h√≥spedes (2,8%) e dormidas praticamente ao n√≠vel daquele ano (-0,8%), apesar da quebra registada nos √ļltimos dois meses. ¬ę√Č not√≥rio que o Algarve est√° a crescer mais em valor do que em procura¬Ľ, conclui Andr√© Gomes.

Entre os mercados que mais t√™m crescido na hotelaria algarvia at√© junho destacam-se a Irlanda e os EUA, mas no aeroporto de Faro tamb√©m h√° mais passageiros franceses, neerlandeses, belgas, italianos e dinamarqueses do que em 2019. E mesmo os passageiros brit√Ęnicos, o principal mercado emissor externo para a regi√£o, est√£o muito perto dos valores pr√©-pandemia.

Por sua vez, o mercado interno, que a par do brit√Ęnico √© um dos mais importantes para o Algarve, tem registos entre janeiro e abril acima de 2019, tanto em h√≥spedes como em dormidas. ¬ęApesar da quebra verificada em maio e junho, olhamos com confian√ßa para os n√ļmeros dos turistas nacionais numa perspetiva global, na expectativa de que no resto do ver√£o e, sobretudo, a partir de setembro continuem a acompanhar o crescimento do destino¬Ľ, considera Andr√© Gomes.

RTA / C.S.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como s√£o processados os dados dos coment√°rios.