Home » Hotelaria & Resorts » Hotelaria do Algarve registou a maior queda em Junho
Hotelaria do Algarve registou a maior queda em Junho
Hotelaria do Algarve registou a maior queda em Junho

Hotelaria do Algarve registou a maior queda em Junho

A taxa de ocupação na hotelaria do Algarve, no mês de Junho, sofreu uma forte queda de todos os indicadores, por força da invasão pandémica, registando o valor mais baixo de sempre, no mês da denominada invasão turística, na região.

Segundo dados provisórios divulgados pela AHETA, a Associação de Hotelaria e Empreendimentos Turísticos do Algarve, em junho, a taxa de ocupação global média por quarto na região, foi de 10,7%, ou seja, 68,5 pontos percentuais abaixo do verificado no mesmo mês de 2019 (-86,5%).

O impacto do COVID-19 na hotelaria, começou a sentir-se no inicio do mês de junho com cancelamentos de reservas, evoluindo rapidamente para uma situação de encerramento progressivo das unidades de alojamento.

Todas as zonas geogr√°ficas sofreram forte quebras, que oscilaram entre os -77,0pp (-93,0%)em Albufeira e os -56,5pp (-71,8%) em Lagos / Sagres.

A zona de Albufeira foi a que registou a taxa de ocupação mais baixa, 5,8%, enquanto a mais alta ocorreu na zona de Lagos / Sagres, com 22,2%.

Por categorias as descidas variaram entre os -75,4pp (-93,5%) nos aldeamentos e apartamentos de 5 e 4* e os -58,5pp (-78,3%) nos hotéis e aparthotéis de 3 e 2*.

Os hotéis e aparthotéis de 3 e 2* foram os que registaram a taxa de ocupação mais alta, com 16,2%, sendo que a mais baixa ocorreu nos aldeamentos e apartamentos de 3*, com 2,8%.

O Reino Unido foi o mercado com a maior descida acumulada (-11,4pp, -75,8%) seguido pelo mercado nacional (-4,2pp, -51,9%) e a Alemanha (-3,5pp, -65,6%).

Em junho, o maior n√ļmero de dormidas coube aos turistas portugueses com 82,3%, seguidos pelos alem√£es (3,4%), noruegueses (2,4%) e brit√Ęnicos (2,1%).

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como s√£o processados os dados dos coment√°rios.