Home | Atualidade | Nacional | Maioria dos Portugueses desconhece os benefícios do 5G
Maioria dos Portugueses desconhece os benefícios do 5G

Maioria dos Portugueses desconhece os benefícios do 5G

O estudo promovido pela Samsung para avaliar o nível de perceção dos portugueses, sobre o 5G, a nova rede móvel, concluiu que “apesar de 84% dos inquiridos já terem ouvido falar sobre o tema, mais de metade, cerca de 68% desta amostra, desconhece os benefícios do 5G”.

Videochamadas (teletrabalho) com elevada qualidade (81%) e o acesso a uma ligação sem falhas (82%) assumem-se como as principais necessidades dos portugueses relacionadas com a implementação da nova rede móvel.

A quinta geração móvel, irá permitir velocidades maiores e tempos de resposta menores e tudo, ou praticamente tudo, estará ligado entre si. Com o 5G os próximos anos trarão definitivamente uma maior relevância para temas como a IoT ou a AI e a Samsung tem vindo a adaptar a sua oferta através do lançamento de diversos equipamentos compatíveis com a quinta geração da rede móvel.

O projeto, que resultou de uma parceria estabelecida com a IPSOS, empresa de estudos de mercado, teve como objetivo principal analisar o nível de perceção do utilizador da tecnologia 5G em Portugal. Para este efeito foram inquiridas, através de um inquérito online, 750 indivíduos maiores de 18 anos, 48% do sexo masculino e 52% do sexo feminino de todas as regiões nacionais, entre o dia 4 e 10 de agosto de 2020.

Os resultados obtidos mostram que no cenário global 84% dos inquiridos sabem ou já ouviram falar sobre 5G e uma em cada dez pessoas possui um equipamento compatível com a quinta geração de rede móvel. No entanto cerca de 68% da amostra selecionada não sabe em que consiste a nova tecnologia ou não reconhece as suas funcionalidades.

Entre as vantagens da introdução da nova geração de rede móvel, aquela que mais se destaca na opinião dos inquiridos (49%) é a velocidade de download, seguida pela melhoria de desempenho dos seus equipamentos. Apesar disso, uma grande percentagem (70%) dos participantes neste estudo referiu estarem satisfeitos com a atual rede implementada no país (4G). Quanto aos aspetos negativos, o destaque vai para a falta de cobertura em zonas mais remotas, cerca de 16% refere que é um dos principais motivos de desagrado sobre o 4G.

A mudança de paradigma quanto ao tipo de necessidades face ao atual contexto em que vivemos é igualmente percetível quando as videochamadas (teletrabalho) com elevada qualidade e sem interrupções (81%) se assume como uma das principais necessidades dos portugueses.

Quanto ao nível de satisfação este mostra-se bastante superior quando comparados um conjunto de parâmetros entre utilizadores com equipamentos dotados de 4G e utilizadores que possuem equipamentos já compatíveis para a rede 5G.

Sobretudo ao nível do entretenimento, incluindo o serviço de streaming, qualidade de vídeo e rapidez de download, os utilizadores com equipamentos 5G mostram-se bastante mais satisfeitos, inclusive, quanto ao nível de cobertura em zonas mais remotas ou ao nível do acesso a plataformas como Netflix.

O estudo foi levado a cabo pela IPSOS em Portugal e Espanha entre 4 e 10 de Agosto de 2020, a cidadãos maiores de 18 anos (48% Masculino; 52% Feminino) co recurso a uma amostra de 750 cidadãos nacionais.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.