Home | Sociedade | Notícia* | O Rally ACP Clássicos animou as estradas do Norte
O Rally ACP Clássicos animou as estradas do Norte

O Rally ACP Clássicos animou as estradas do Norte

O Rally ACP Clássicos Norte reuniu mais de 30 automóveis clássicos, que animaram as estradas da região do Douro, num agradável ambiente de competição e confraternização, nesta que foi a 1ª edição do evento.

Os automóveis clássicos são uma paixão para viver em pleno, ainda mais quando aliados a algumas das mais deslumbrantes paisagens do Norte. Foi esta a génese do primeiro Rally ACP Clássicos Norte, uma prova que aliou o espírito desportivo à vertente social, juntando exemplares marcantes da história do automóvel, entre 1960 e 1990, para além de futuros clássicos, com ano de produção até 2000.

Entre os automóveis que participaram na prova que o ACP Clássicos estreou a Norte, e que contou também para a ACP Clássicos Cup, destaque para a presença de modelos icónicos como o Jaguar XK 140 Roadster, Porsche 911, Lotus Elan Sprint, Alfa Romeo Junior Zagato, Datsun 260 Z, Morgan 4/4 ou Jaguar XJS, entre tantos outros.

Estruturalmente composto por uma prova de estrada de itinerário secreto, com 150 quilómetros de extensão, onde se incluíram nove provas de classificação de Regularidade Histórica (ao longo de 50 km) – entre provas de Regularidade Absoluta, Regularidade por Sectores e Regularidade à Figura -, o evento ofereceu uma componente desportiva acessível para quem se pretendia iniciar neste tipo de provas, mas sempre com um ritmo a exigir um elevado grau de concentração às equipas.

Com partida do Parque da Cidade do Porto, a prova seguiu na direção das tão carismáticas estradas do Douro, atravessando as duas margens do rio em Castelo de Paiva e passando por locais inspiradores pela sua natureza, história, tradição e beleza natural. As emoções só terminam à hora de almoço, com a chegada à Quinta da Avistada, em Arouca, palco do encerramento do Rally ACP Clássicos Norte.

Desportivamente, a prova não podia ser mais animada, com a dupla Paulo Braga Lino/Tiago Caio, num Fiat 124 Sport Spider (1973), a selar a vitória apenas na última especial e a tornar-se a primeira equipa a inscrever o seu nome no quadro de honra da prova. Ainda assim, o triunfo não foi fácil, uma vez que as duplas Gonçalo Ribeiro Pinto/António Leal Machado, em BMW 3.0 CSI (1973) e Pedro Brito/Duarte Brito, em MG MGA (1969), nunca andaram longe, assegurando, respetivamente, o segundo e terceiro lugares, mas separadas por escassos 0,1s.

Em termos de categorias, na dos modelos dos mais antigos, a Categoria E, o triunfo foi para Pedro Brito e Duarte Brito, em MGA (1969), enquanto na Categoria F (veículos entre 1961 e 1970) a vitória coube à dupla Evandro Gueiros e Adriana Gueiros, em Porsche 911 E 2.2 (1970). Já na Categoria G (veículos entre 1971 e 1980) e que foi também a mais concorrida, o primeiro lugar foi conquistado pelos vencedores absolutos da prova, Paulo Braga Lino e Tiago Caio, num Fiat 124 Sport Spider (1973), com os louros da Categoria H (veículos entre 1981 a 1990) a ficarem para Domingos Alves da Silva e Bárbara Poleri da Silva, que levaram o Porsche 911 Carrera Coupe (1985) ao lugar mais alto do pódio. Finalmente, entre os Futuros Clássicos (veículos entre 1991 e 2000), a vitória sorriu a Rafael Pedrosa e Cláudia Pedro, os mais eficazes com o Fiat Barchetta (1998).

Em tempo de balanço, Luís Cunha, secretário-geral do ACP Clássicos, sublinhou: “A primeira edição do Rally ACP Clássicos Norte correu muito bem e provou ser uma aposta ganha. O figurino ‘leve’ e descontraído, com estradas de bom piso e a exigirem alguma condução, permitiu às equipas divertirem-se e tirarem partido dos seus automóveis clássicos, com cenários fantásticos. Tal como aconteceu com a prova homóloga que realizamos no Sul, acreditamos que o Rally ACP Clássicos Norte tenha criado raízes sólidas e na próxima edição conte com ainda mais equipas”.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.