Home | Municipios | Palmela: Parceria com a Confederação do Comércio
Palmela: Parceria com a Confederação do Comércio

Palmela: Parceria com a Confederação do Comércio

O Executivo Municipal de Palmela, aprovou por unanimidade, na reunião pública de 21 de outubro, o Protocolo de Parceria a estabelecer entre a Câmara Municipal de Palmela e a CCP – Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, com vista à criação do Observatório “Os Serviços, a competitividade urbana e a coesão territorial”.

Segundo a nota da autarquia, “pretende-se criar uma estrutura permanente a funcionar no quadro da CCP/Fórum dos Serviços, que terá como grandes referências a coesão territorial, a competitividade, a qualidade de vida urbana e o papel das atividades de serviços. Este Observatório terá como propósito produzir informação e conhecimento relevante relacionados com estas áreas e também impulsionar o desenvolvimento de ações colaborativas, envolvendo diferentes atores”.

Tendo em conta o papel do Município nas políticas de desenvolvimento territorial e a sua estratégia de ação assente na inovação e cooperação, considera-se uma mais-valia a participação neste projeto. De acordo com o Protocolo, a Autarquia vai colaborar na divulgação do trabalho produzido pelo Observatório, participar nas iniciativas que venha a realizar e integrar o Conselho Geral do Observatório, apresentando propostas que possam integrar o programa de atividades.

A CCP irá criar o Conselho Geral do Observatório, em que terão assento parceiros locais, regionais e nacionais, públicos e privados, e a quem caberá acompanhar e orientar os trabalhos do Observatório, nomeadamente, aprovando o programa de atividades a desenvolver.

Este Protocolo não acarreta quaisquer custos para o Município e mantém-se em vigor por tempo indeterminado, enquanto o Observatório funcionar.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.