Reações à retirada das moedas de 1 de 2 Cêntimos!

1473

A Comissão Europeia, informou na passada terça feira, que estuda a retirada de circulação das moedas de 1 e 2 cêntimos, devido aos elevados custos de produção das mesmas, mas já conta com alguma reação do mercado, associado ao receio dos consumidores, provocando com eliminação daquelas moedas, um aumento os preços.
Jorge Morgado, secretário-geral da DECO, em declarações à Agência Lusa, admitiu que “o desaparecimento destas moedas pode produzir, através dos arredondamentos, um ligeiro aumento do preço de alguns produtos”.
João Vieira Lopes, o presidente da Confederação do Comércio e Serviços, fez declarações que vão no mesmo sentido, “o consumidor seria prejudicado porque os arredondamentos de preços por parte da indústria, têm tendencialmente natureza inflacionista”.
Outra personalidade, o professor catedrático José Reis, da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, considerou igualmente em declarações à Lusa, que esta medida pode aumentar ligeiramente os preços, mas explicou que isso não significa um aumento da inflação.

Fonte: Lusa

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close