TAP recriou o espírito dos anos 70 no vôo para Luanda

O avião “Portugal”, o retrojet A330 da TAP, voou na passada sexta feira para Luanda, Angola, recriando, pela quinta vez, com o espírito dos anos 70 a bordo. Nesta viagem, rumo a um dos mais antigos destinos da TAP, esteve presente o Chef Michelin José Avillez, que assinou o menu servido na Classe Executiva.

O voo TP287 para Luanda foi o escolhido para mais uma experiência retro da TAP, uma surpresa completa para todos os Passageiros que se apresentaram para o embarque. Esta rota é já um clássico na operação da Companhia, uma vez que as ligações regulares de Lisboa à capital angolana foram iniciadas a 31 de dezembro de 1946. A então designada “Linha Aérea Imperial”, cuja rota era Lisboa-Luanda-Lourenço Marques, contava com 12 escalas e tinha uma duração de 15 dias (ida e volta).

Na sexta feira recriou-se a bordo a atmosfera dos anos 70, em voo direto, desde os balcões de check-in ao entretenimento a bordo. Aos Passageiros deste voo foram oferecidas etiquetas de bagagem e bolsas para cartões de embarque retro, à chegada ao aeroporto, bem como um diploma de viajante no tempo. A bordo, os Clientes foram recebidos por uma tripulação vestida com uma das mais emblemáticas fardas da TAP, criada pelo estilista francês Louis Féraud. Já no respetivo lugar, uma nova surpresa entregue a todos os Passageiros: a icónica bolsa da TAP dos anos 70 que, em Classe Executiva, se encontra preenchida com um confortável pijama, água-de-colónia Lavanda da Ach. Brito, creme de mãos Benamôr e Pasta Dentífrica Couto. O famoso jogo “Sabichão”, da Majora, com uma página de perguntas e respostas exclusivamente dedicada à TAP, irá entreter miúdos e graúdos durante esta viagem, uma oferta da TAP também em Classe Executiva.

Uma vez mais, as refeições recriaram fielmente o que se servia a bordo nos anos 70. José Avillez irá propor aos Clientes da Classe Executiva um Robalo Salteado com Cantarelos e Rabo de Boi com Foie Gras e Estufado de Couve e Grão-de-bico. Nas entradas, Atum de Conserva “Caseira” com Maionese de Gengibre e Lima, precedido de Azeitonas Explosivas e Amêndoas Torradas. Para sobremesa, foram servidos queijos de várias regiões de Portugal, fruta e uma Pavlova com Coulis de Frutos Vermelhos, também da autoria do Chef.

Em Classe Económica, os Clientes da TAP degustaram uma Salada de Camarão com Abacate e Manga, como entrada, e Bife do Lombo à Portuguesa ou Bacalhau à Zé do Pipo, como prato principal. A sobremesa foi adoçada com chocolates Regina e com um Parfait de Banana com Chocolate.

Marcas como a Coca-Cola e a cerveja Sagres marcam a sua presença a bordo, servidas em garrafas de vidro e com o rótulo dos anos 70. Também um Porto Graham’s colheita de 1972 foi servido no fim da refeição, em Classe Executiva. A tripulação convidou todos os Clientes a participar no “jogo dos furos” dos chocolates Regina, experiência que foi uma novidade para os mais pequenos e uma nostálgica diversão para os adultos. No entretenimento a bordo, havia filmes da década de 70 e um canal de música do mesmo período.

A TAP pretende continuar a surpreender os Passageiros que viajam no avião “Portugal” e realizará mais voos evocativos dos anos 70 para diferentes destinos da Companhia.?

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close