Home | Sítios & Viagens | Viagens | A TAP transportou em Julho 1,7 milhões de passageiros
A TAP transportou em Julho 1,7 milhões de passageiros

A TAP transportou em Julho 1,7 milhões de passageiros

A TAP alcançou no mês de Julho, o recorde de 1,7 milhões de passageiros transportados, o que representa um crescimento de 11,6 por cento face ao mesmo mês do ano anterior, o melhor mês de sempre em número de passageiros transportados.

Segundo a nota da companhia, a América do Norte volta a estar em destaque, com mais 57,1 por cento de passageiros transportados, totalizando cerca de 117 mil Clientes a bordo, bem como África, onde a TAP cresceu 13,9 por cento, para um total de 129 mil passageiros.

O Brasil continua a mostrar sinais de recuperação. Depois de, em junho, a TAP ter transportado nas rotas da América do Sul mais 3,4 por cento que no mesmo mês de 2018, em julho, a diferença é de mais 10,9 por cento, ou seja, mais 17 mil passageiros, face ao mesmo período homólogo.

As rotas da Europa foram as que registaram o maior crescimento absoluto, ultrapassando 1 milhão de passageiros, mais 77 mil, ou 8,3 por cento, quando comparado com o mês de julho do ano anterior.

Já nas rotas dos Açores e da Madeira, a TAP registou um aumento de 11 por cento, alcançando os 156 mil passageiros no conjunto das rotas de e para as Regiões Autónomas.

Destaque também para as 10 novas rotas que a TAP já inaugurou este ano – Telavive, Basileia, Dublin, Chicago, Washington D.C., São Francisco, Nápoles, Tenerife, Conacri e Porto-Bruxelas – e que contribuíram com mais 100 mil passageiros a bordo dos aviões da Companhia. A Europa ocupa o primeiro lugar desta tabela, com mais 55 mil passageiros, seguida do Atlântico Norte com mais 31 mil passageiros, e do Médio Oriente com mais 10 mil.

As novas rotas, aliadas à modernização da frota da Companhia, continuam a consolidar a linha de crescimento da TAP em todos os mercados onde opera, podendo assim oferecer um melhor produto aos seus Clientes.

Partilhe:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

*

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.