Cidadão Chinês com Visto Gold não será extraditado!

169

Xiaodong Wang o cidadão Chinês que se encontra em Portugal ao abrigo do novo visto Gold, mas que é alvo de um mandato internacional de detenção, emitido pelo ministério da Justiça do seu país, não será extraditado, por decisão do Tribunal da Relação de Lisboa.

Segundo a agência Lusa,  o Tribunal da Relação de Lisboa, entendeu que “os factos que estavam na base do pedido de extradição de Xiaodong Wang, enviado pelas autoridades judiciais chinesas, no âmbito de processo relacionado com a prática dos crimes de fraude e abuso de confiança, não têm correspondência com o regime jurídico português”.

O cidadão chinês que se encontrava detido em prisão preventiva a aguardar uma decisão, foi libertado por ordem do Tribunal Relação, mas vai continuar a ser investigado pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal, por existirem suspeitas de branqueamento de capitais.

Xiaodong Wang foi detido a 20 de março, em Cascais, onde possui um imóvel de luxo, foi ouvido pelos juízes conselheiros da Relação de Lisboa, tendo no primeiro inquérito recusado a extradição para a China, sucedendo o mesmo no segundo interrogatório, quando voltou a insistir na recusa em ser extraditado.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close