Multinacional Altran contrata para o Porto, Lisboa e Fundão

Multinacional Altran contrata para o Porto, Lisboa e Fundão

313

A multinacional Altran vai contratar 15 recém-doutorados para os seus escritórios no Porto, Lisboa e Fundão, um reforço da aposta em Portugal, visando responder ao forte crescimento da sua atividade tecnológica no País.

Estes profissionais vão integrar as equipas de R&D e equipas de projectos de elevada complexidade, para clientes internacionais, nas áreas de sistemas cyber-físicos, condução autónoma, infotainment, inteligência artificial, entre outras.

Rodrigo Maia, CTO e responsável pela Tecnologia e Inovação da Altran Portugal, adianta: “Com o nosso crescimento em Portugal, a nossa necessidade de talento altamente especializado tem vindo a crescer e é necessário continuarmos a apostar na transferência de conhecimento produzido pelas universidades e politécnicos para o tecido empresarial. O contributo dos doutorados será crucial para dar resposta aos vários projetos de alta complexidade da Altran, no nosso plano de crescimento nacional e internacional. Além disso, pretendemos continuar a reforçar o contacto e parceria com as universidades, para o desenvolvimento de competências dos recém formados e futuros profissionais nas áreas tecnológicas.”

A empresa procura candidatos com doutoramento concluído há menos de 2 anos em Engenharia Informática, Engenharia Eletrotécnica, Engenharia Aeroespacial, Engenharia Fisica ou Engenharia Biomédica. O processo decorrerá através da colocação de vagas no site oficial da empresa e nas plataformas online de recrutamento.

Sobre a Altran:

Com a aquisição da Aricent, a Altran posiciona-se como líder global em consultoria de engenharia e R&D (ER&D) e uma empresa inovadora no desenvolvimento de produtos e serviços à medida das necessidades dos clientes. Neste sentido, a Altran acompanha os clientes em cada etapa do projeto, desde o planeamento estratégico à fase de produção. Há mais de 30 anos no mercado global, a Altran capitaliza a experiência e know-how em setores chave, como Aerospace, Automotive, Defence, Energy, Finance, Life Sciences, Railway e Telecom. A aquisição da Aricent alarga essa liderança para semiconductors, digital experience e design innovation.

Com mais de 45 mil colaboradores e presente em mais de 30 países, o grupo Altran e Aricent geraram, em 2017, receitas de 2,9 mil milhões de euros. No mercado português desde 1998, a Altran Portugal conta mais de 1.800 colaboradores e com três escritórios, no Porto, Lisboa e Fundão.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close