Prémios de Investigação Eusébio da Silva Ferreira

Prémios de Investigação Eusébio da Silva Ferreira

49

O Palácio dos Congressos na Herdade dos Salgados, em Albufeira, onde decorre o Congresso Anual da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, foi palco da apresentação da 1ª Edição dos Prémios de Investigação Eusébio da Silva Ferreira, iniciativa que pretende distinguir projetos na área da saúde do coração.

Este Prémio de Investigação  é fruto da parceria entre a associação artEUSEBIOheart, da família de Eusébio, com a Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC) e com a Sociedade Portuguesa de Cardiologia.

A Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC), em parceria com a Sociedade Portuguesa de Cardiologia e a associação artEUSEBIOheart acabam de apresentar, no Congresso Anual da Sociedade Portuguesa de Cardiologia que decorre até amanhã na Herdade dos Salgados, em Albufeira, a primeira edição dos Prémios de Investigação Eusébio da Silva Ferreira. Uma iniciativa pioneira em Portugal destinada a galardoar os melhores trabalhos de investigação clínica nos domínios da insuficiência cardíaca e morte súbita no desporto.

O primeiro é da responsabilidade da Fundação Portuguesa de Cardiologia, estando já aberto o período de candidaturas à bolsa de investigação no valor de 5 mil euros até ao dia 30 de junho de 2017. Já o prémio a ser atribuído na área da morte súbita no desporto será da responsabilidade da Sociedade Portuguesa de Cardiologia.

“Estamos muito orgulhosos por estarmos associados a este projeto inédito de âmbito nacional. Atualmente as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte em Portugal, sendo que a educação para a prevenção se torna cada vez mais urgente” refere o Prof. Doutor Manuel Oliveira Carrageta, Presidente da Fundação. “Neste contexto, o lançamento dos Prémios de Investigação Eusébio da Silva Ferreira ganha particular importância”, conclui o especialista.

De acordo com o Dr. Miguel Mendes, Presidente da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, “os prémios Eusébio da Silva Ferreira são uma mais-valia para estimular a investigação no campo da Cardiologia do Desporto e para chamar a atenção para a necessidade da avaliação prévia e acompanhamento médico dos desportistas mesmo após terminarem a fase competitiva da sua carreira”.

Relativamente à artEUSÉBIOheart, trata-se de uma associação sem fins lucrativos criada por familiares e amigos de Eusébio da Silva Ferreira, vítima em 2015 de insuficiência cardíaca, com o propósito de perpetuar a sua memória. A instituição tem como objeto a promoção de atividades sociais, culturais, recreativas, desportivas, ambientais e científicas. «É precisamente neste último contexto que surge esta parceria com a Fundação e a Sociedade Portuguesa de Cardiologia», sublinhou Carla da Silva Ferreira, diretora do projeto.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close