Carros elétricos na estrada sem garantia de carregamento

Carros elétricos na estrada sem garantia de carregamento

220

Os carros elétricos mais que duplicaram em 2018 nas estradas portuguesas, a venda destas viaturas registou um aumento exponencial, com um crescimento na ordem dos 148%, mas em contrapartida, não houve por parte da entidade responsável pela montagem e operacionalidade dos postos de carregamento em Portugal, a MOBI.E, a resposta que se esperava e estava mesmo prometida.

O Portal da Queixa, maior rede social de consumidores em Portugal, verificou um aumento significativo do número de reclamações dirigidas à MOBI.E, empresa de mobilidade elétrica responsável pelos postos de carregamento existentes no país. são inúmeros os postos de abastecimento que não funcionam devidamente, um problema que se estende de norte a sul do país.

Nos últimos doze meses, entre abril de 2018 e março de 2019, as queixas dispararam 266%, comparativamente com o período homólogo. O Porta da Queixa constatou que a indisponibilidade dos postos de abastecimento e as avarias constantes dos equipamentos são os principais motivos das reclamações apresentadas contra a MOBI.E.

A análise de dados efetuada pelo Portal da Queixa, permitiu apurar um registo total de 110 reclamações, desde abril de 2016 até 6 de março de 2019, e identificou que “o total abandono no apoio”, por parte da empresa, é uma denúncia apontada pela generalidade dos queixosos ao longo dos anos. A atestar esta realidade está a Taxa de Resposta da MOBI.E às mais de 100 reclamações apresentadas: 1,1%, e o Índice de Satisfação a marcar apenas 1.4, refletindo o descontentamento dos consumidores.

Após um ano recorde de vendas, o segmento dos automóveis 100% elétricos continua com forte dinamismo em Portugal. Em janeiro de 2019, os carros elétricos representaram mais de 4% das vendas de ligeiros de passageiros, segundo dados da Associação Automóvel de Portugal.

Refira-se que, recentemente, o Governo anunciou que vai criar incentivos para a instalação de 100 postos de carregamento rápido para carros elétricos até ao final do ano. O objetivo é começar a instalar estes novos postos a partir de 1 de abril. Os apoios previstos pretendem triplicar a oferta existente. Outra novidade prevista é que, ainda este ano, o carregamento passe a ser pago em todos os postos.

Partilhe:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*


CAPTCHA Image

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

O site 'ipressJournal' utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação do visitante. LER MAIS

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close